O Jogo ao Vivo

Política

PSP/Porto identificou pessoas que entoaram "Grândola Vila Morena" perante Paulo Macedo

PSP/Porto identificou pessoas que entoaram "Grândola Vila Morena" perante Paulo Macedo

A PSP identificou várias pessoas que esta manhã entoaram o "Grândola Vila Morena" no momento em que o ministro da Saúde ia discursar no Porto e elaborou uma informação "circunstanciada" do sucedido, indicou fonte policial.

A fonte disse não estar em condições de precisar o número de pessoas identificadas, explicando apenas que esse pormenor integra a informação "circunstanciada" feita pela autoridade policial no local.

Um grupo de pessoas entoou a música de José Afonso "Grândola Vila Morena" no preciso momento em que o ministro Paulo Macedo iria discursar num debate na Aula Magna da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, prosseguindo depois com várias palavras de ordem.

"Governo para a rua", "ao contrário do que dizem estão a assassinar os portugueses", "os reformados não têm dinheiro para medicamentos" ou a "luta continua" foram algumas das palavras proferidas pelos manifestantes.

Depois de alguns minutos de protestos, o grupo de pessoas calou-se e o ministro da Saúde retomou o discurso, realizado no âmbito de um debate sobre o Futuro do Sistema Nacional de Saúde.

Em declarações aos jornalistas, Paulo Macedo disse que não procedeu a qualquer reforço da sua segurança, embora admita que essa decisão não seja da sua responsabilidade.

"Não tive qualquer reforço de segurança, mas também não sou eu que decido isso", afirmou.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG