segurança

"Empenhada em ajudar pais e crianças com problemas"

"Empenhada em ajudar pais e crianças com problemas"

A presidente da LEQUE, Celmira Macedo, ficou "profundamente triste" com a morte de Manuela Paçó e de Martim, jovem que considerava "um dos seus meninos e um dos seus amores".

Este sábado, mudou a sua fotografia de perfil na rede social facebook para uma rosa negra, em sinal de luto. Contou, ao JN, que era muito amiga de Manuela, pois esta acompanhou-a desde o início na demanda da melhoria do apoio aos deficientes no distrito de Bragança, primeiro com a Escola de Pais e depois com a Associação LEQUE.

"A Manuela era uma pessoa fechada, mas éramos muitos amigas e ela era muito empenhada em ajudar o seu filho e outras crianças, jovens e pais com estes problemas", referiu. Também Celmira não vê motivação para o caso até porque Paçó estava envolvida num projeto em Vinhais e parecia "animada".