segurança

GNR deteve 17 condutores em operação de fiscalização a veículos pesados

GNR deteve 17 condutores em operação de fiscalização a veículos pesados

A GNR deteve 17 condutores e detetou 2.811 contraordenações rodoviárias durante uma operação de fiscalização a veículos pesados de mercadorias e de passageiros realizada na última semana.

A Guarda Nacional Republicana realizou, entre 7 e 13 de outubro, uma operação de fiscalização a veículos pesados de mercadorias e de passageiros, no âmbito de uma ação definida pelas polícias de trânsito da Europa.

A operação, denominada "Truck & Bus", foi direcionada para as vias onde se verifica um maior volume de tráfego de veículos pesados de mercadorias e de passageiros e onde existem dados ou indícios da prática de ilícitos de natureza criminal, refere uma nota do comando-geral da GNR.

No âmbito da operação, a GNR efetuou 17 detenções, seis das quais por falta de habilitação legal para conduzir, cinco por excesso de álcool e três por falsificação de notação técnica, ou seja, viciação de tacógrafos.

Os militares da GNR multaram também 2.811 condutores, sendo a maioria das contraordenações por excesso de peso da carga transportada (477) e de velocidade (259), além dos 68 autos por falta de acondicionamento e disposição da carga.

A GNR detetou ainda 99 contraordenações por falta de inspeção periódica obrigatória, 95 por condução em excesso de velocidade, 66 por uso do telemóvel, 33 por estarem a conduzir sob efeito de álcool e 27 por falta de seguro.

A operação foi desenvolvida no âmbito do planeamento operacional definido pela European Police Network (TISPOL), organismo que congrega todas a polícias de trânsito da Europa, no qual a GNR é representante nacional.

Outras Notícias