segurança

Cocaína encontrada entre bananas em sete lojas do Lidl

Cocaína encontrada entre bananas em sete lojas do Lidl

Um cliente do Lidl de Valença procurava bananas verdes e descobriu uns pacotes estranhos no fundo da caixa. Era cocaína dissimulada. A PJ Porto veio a descobrir 237 quilos, em sete lojas da cadeia de supermercados.

Foi o que pode designar-se como uma falha de logística de uma rede de traficantes de droga com ramificações na Colômbia e em Espanha. O contentor de caixas de bananas com cocaína escondida - possivelmente mais de uma tonelada - foi colocado num barco que partiu da América do Sul em direção a Espanha. Foi descarregado no país vizinho e o produto distribuído, com evidente desvio da droga para os mercados paralelos. Mas neste circuito surgiu uma oportunidade de venda de uma palete de bananas para Portugal. Concretamente, para a cadeia Lidl. Por falha dos traficantes, a droga não foi retirada e inadvertidamente acabou por chegar às prateleiras dos supermercados de Valença, Famalicão, Porto (vários), Valongo, Amarante, Marco de Canaveses e Arrifana.