segurança

"Comissões" de meio milhão na venda de autocarros aos TUB

"Comissões" de meio milhão na venda de autocarros aos TUB

O dono da Oficina Auto Senhor dos Aflitos de Braga, Abílio da Costa, suspeito de corrupção ativa numa investigação aos Transportes Urbanos de Braga, garantiu ao tribunal que pagou 500 mil euros em "comissões".

Embora Abílio Costa não explicite - em documento escrito entregue em tribunal no processo de insolvência da sua empresa - a quem entregou a verba, a Polícia Judiciária (PJ) quer saber se toda ou parte dela terá ido para o antigo presidente da Administração dos Transportes Urbanos de Braga (TUB), Vítor Sousa, e da vogal da empresa Cândida Serapicos.

Uma denúncia sobre as mesmas comissões terá chegado de forma anónima ao Ministério Público, em maio, acompanhada de documentos da contabilidade da extinta empresa de Costa. O que, aliás, deu origem ao processo que esteve na origem das buscas nos TUB.

Leia mais na edição e-paper ou na edição impressa