PJ

PJ deteve professor primário suspeito de abusar de alunas na sala

PJ deteve professor primário suspeito de abusar de alunas na sala

Um professor primário, com 51 anos, foi detido pela PJ por suspeita de abuso sexual de duas alunas, ambas com 7 anos. Os abusos ocorreram numa escola na área metropolitana de Lisboa, dentro da sala de aula.

A Polícia Judiciária informa, esta quarta-feira, em comunicado, que através da Diretoria de Lisboa e Vale do Tejo deteve "um homem, com 51 anos de idade, indiciado pela prática de crimes de abuso sexual de crianças".

Segundo a PJ, os abusos ocorreram na área metropolitana de Lisboa e vitimaram duas meninas, ambas com 7 anos de idade.

"O presumível autor é professor do ensino básico, tendo-se aproveitado das suas funções de ensino para abusar das duas crianças, suas alunas, que nele confiavam plenamente", sublinha a PJ.

Segundo a investigação, "os atos foram praticados na escola, na sala onde as aulas decorriam".

O suspeito "também se encontra referenciado por maus tratos" a alunas estando a PJ a averiguar "o eventual cometimento de factos delituosos semelhantes noutros estabelecimentos de ensino" o professor deu aulas.

O detido vai ser presente a primeiro interrogatório judicial.

Imobusiness