segurança social

PJ prende 15 por fraude de milhões com subsídios à Segurança Social

PJ prende 15 por fraude de milhões com subsídios à Segurança Social

A Diretoria do Norte da Polícia Judiciária deteve esta terça-feira 15 pessoas por alegado envolvimento em fraudes tributárias à Segurança Social com subsídios cujo montante chega já aos três milhões de euros. Entre os detidos há um funcionário da Segurança Social.

Dezenas de buscas foram efetuadas em vários concelhos do Grande Porto em empresas, residências particulares e consultórios médicos.

Para além do mencionado funcionário público, a PJ deteve empresários e vários beneficiários do esquema que seria liderado por um indivíduo com atividade ligada à solicitadoria.

De entre os 15 suspeitos, 11 são homens e quatro são mulheres com idades compreendidas entre os 22 e os 60 anos.

Para obter subsídios ilegítimos, nomeadamente de desemprego, o grupo recorria a falsos contratos de trabalho e a falsas declarações de rendimentos, entre outros documentos.