segurança

João Loureiro acusado de lesar Segurança Social no Boavista

João Loureiro acusado de lesar Segurança Social no Boavista

João Loureiro e Joaquim Teixeira foram acusados pelo Ministério Público por crime de abuso de confiança contra a Segurança Social. Em causa estão 238 mil euros retidos dos salários dos funcionários do Boavista.

O agora novamente líder do clube do Bessa enfrenta um segundo processo por falta de entrega de dinheiros ao Estado. No primeiro caso, envolvendo a SAD, Loureiro foi sentenciado a dois anos de prisão, com pena suspensa - condenação posteriormente anulada pela Relação, que obriga à repetição parcial do julgamento.

Ler mais na versão e-paper ou na edição impressa

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG