O Jogo ao Vivo

segurança

PJ investiga denúncias na diocese do Porto

PJ investiga denúncias na diocese do Porto

A Polícia Judiciária (PJ) investiga quem é a pessoa que assina as cartas com o nome "M. Saleixo" e que, pelo seu conteúdo, tecem graves acusações a diversos membros do clero, entre eles ao padre Américo Aguiar, vigário-geral da diocese do Porto.

Estas cartas anónimas começaram a aparecer precisamente depois de anunciada a intenção do bispo em trocar padres de paróquias. Nos meios eclesiásticos, há quem ligue as cartas assinadas "M. Saleixo" ao conturbado processo de mudança de padre de Canelas, em Gaia, e a uma alegada tentativa de desestabilizar a liderança do bispo.

Pelo menos, desde setembro que a PJ foi informada pelos responsáveis pela diocese da existência das cartas anónimas, ofensivas para alguns sacerdotes. A investigação ganhou novo fôlego nos últimos dias, levando agentes da Judiciária até aos serviços centrais da diocese e a analisar alguns computadores de diversas paróquias, entre elas a de Canelas.

Leia mais na edição e-paper ou na edição impressa

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG