Sociedade

A dor dos que teimam em crescer um milímetro por dia

A dor dos que teimam em crescer um milímetro por dia

Ninguém sabe ao certo quantos são, mas algumas estimativas apontam para cerca de 500. Patrícia Ataíde, que fundou a Associação Portuguesa de Acondroplasia pouco depois de ter sido mãe de uma menina com essa condição, fala em 400 acondroplásicos.

A acondroplasia é a forma mais frequente de nanismo e manifesta-se por um encurtamento dos pernas e dos braços, tronco e cabeça de tamanho regulares para um adulto e algumas características faciais distintivas. Não tem qualquer implicação no funcionamento cognitivo, mas o estigma persiste. Os portadores de nanismo são obrigados a provar, todos os dias, que a baixa estatura não é sinónimo de inteligência inferior ou infantilidade.

Ler mais na versão e-paper ou na edição impressa

Outras Notícias