Sociedade

Bombeiro da Covilhã morreu no combate às chamas

Bombeiro da Covilhã morreu no combate às chamas

Chamava-se Pedro Miguel Rodrigues, o bombeiro que faleceu esta tarde de quinta-feira em serviço perto da localidade de Peso, Concelho da Covilhã. Natural e residente na cidade, o homem de 40 anos estava acompanhado por três colegas junto às casas ameaçadas pelo fogo quando foi circundado pelas chamas.

Os restantes colegas conseguiram fugir e dar o alerta sobre o incidente. " É uma perda irreparável", disse ao JN Joaquim Matias, o presidente dos bombeiros da corporação da Covilhã quando se preparava para dar a notícia aos pais da vítima. "Estamos todos muitos abalados", disse ainda.

Para já, o incêndio que começou pouco depois da hora de almoço na localidade de Coutada e já ameaçou povoações em Vales do Rio e Peso, ainda está longe de ser controlado. Estão ativas duas frentes que são combatidas de momento por 366 homens e 100 veículos. Já esta tarde foram chamados os corpos de reforço e ataque de Leiria e Santarém.

"A Autoridade Nacional de Proteção Civil expressa publicamente as mais sentidas condolências pela morte trágica do bombeiro de 2.ª, Pedro Miguel Jesus Rodrigues", refere este organismo em comunicado enviado às redações.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG