Sociedade

Bombeiro ferido em incêndio que cercou localidade de Amares

Bombeiro ferido em incêndio que cercou localidade de Amares

Um bombeiro de Amares ficou ferido num incêndio que lavra desde as 18 horas de sexta-feira e que chegou a isolar São Bartolomeu, localidade de Santa Marta de Bouro em Amares.

Uma fonte confirmou ao JN que o bombeiro ficou ferido "durante o combate numa das frentes" e que terá "várias fraturas". O homem, de 20 anos, foi encaminhado para o Hospital de Braga.

Com três frentes ativas, numa extensão que ultrapassa sete quilómetros, e com acessos complicados, as chamas obrigaram ao corte de vias. Habitantes de São Bartolomeu, assim como de Pereira, estão na rua, pois a violência do incêndio atirou as chamas em direção das casas.

No entanto, e daquilo que foi possível apurar no terreno, não há bens destruídos. Segundo informação recolhidas junto de moradores, o fogo consumia uma vasta área de mato e floresta.

As autoridades cortaram a estrada municipal que dá acesso ao lugares de Pereira e São Bartolomeu.

Domingos Ferreira, adjunto do comando dos Bombeiros de Amares, e que coordena as operações de socorro, espera dominar o incêndio "nas próximas duas horas".

Para além dos Bombeiros de Amares, no terreno estão as corporações oriundas dos concelhos de Fafe, Vizela, Esposende, Terras de Bouro e Póvoa de Lanhoso, num total de 10 corporações.

O incêndio que lavra em Amares é o maior até este momento no distrito de Braga. Para além de patrulhas da GNR, no terreno está também um brigada dos militares da investigação criminal.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG