Sociedade

Baixo Mondego lidera médias a Português e Matemática no 9.º ano

Baixo Mondego lidera médias a Português e Matemática no 9.º ano

A sub-região do Baixo Mondego foi a que teve as melhores médias nos exames de Língua Portuguesa e Matemática no 9.º ano em 2010/2011, segundo o relatório publicado, esta sexta-feira, pelo Gabinete de Avaliação Educacional.

Do lado oposto da tabela, o Alentejo Litoral teve as piores médias em ambos os exames.

No exame de Matemática, o Baixo Mondego é a única sub-região com positiva (50,7 por cento), seguindo-se ainda no "pódio", mas com nota negativa, Dão Lafões (49,4 por cento) e Pinhal Litoral (48 por cento).

As piores médias estão na Região Autónoma da Madeira (37,8), no Alto Alentejo (37,6) e no Alentejo Litoral (37,3).

Grande Lisboa e Grande Porto, que somam cerca de um terço dos alunos que realizaram as provas, registaram 45,3 e 45,5 por cento de média, respetivamente.

No exame de Língua Portuguesa, o Baixo Mondego registou 54,7 por cento, seguindo-se, no grupo das três melhores médias, Entre Douro e Vouga com 53,8 por cento e a Cova da Beira com 53,6 por cento.

Das 28 sub-regiões NUTS III do Continente e duas regiões autónomas, 18 têm positiva e outras 12 não passaram no exame da língua nacional.

Os piores resultados estão na sub-região do Tâmega (47,7), na Região Autónoma da Madeira (47,2) e na sub-região do Alentejo Litoral (46,3).

Grande Lisboa e Grande Porto estão lado a lado, cada qual com uma média de 53,3 por cento a Língua Portuguesa.

Tanto no caso de Língua Portuguesa como Matemática, o GAVE publicou médias percentuais de sub-regiões NUTS III com base nos resultados de alunos internos na primeira chamada dos exames.