Sociedade

FNE critica inaceitável "desrespeito" do Ministéro da Educação pelos professores

FNE critica inaceitável "desrespeito" do Ministéro da Educação pelos professores

O secretário-geral da Federação Nacional da Educação, João Dias da Silva, afirmou, este sábado, ser inaceitável o "desrespeito" do Ministério da Educação e Ciência pelos professores que "repentinamente" foram colocados noutras escolas.

É "um completo desrespeito pelas pessoas que organizaram a sua vida e repentinamente são colocadas a outras distâncias e têm de organizar de novo a sua vida", afirmou João Dias da Silva sobre a anulação de colocações de professores do concurso da bolsa de contratação de escolas do dia 12 de setembro.

Após uma conferência de imprensa conjunta com a Confederação Nacional das Associações de Pais (CONFAP), no Porto, João Dias da Silva afirmou aos jornalistas: "não há nada que possa pagar aquilo que é esta dimensão de desrespeito que há em relação à vida das pessoas e à forma como se tratam as pessoas".

"Não é aceitável que haja um procedimento desta natureza", vincou, acrescentando ser fundamental que "todas as injustiças que estão presentes no processo sejam superadas".

A FNE garante desde já todo o apoio jurídico aos professores que se sintam "injustiçados de qualquer forma dentro deste processo".