Sociedade

Ministério da Educação e RTP criam site para alunos, pais e professores

Ministério da Educação e RTP criam site para alunos, pais e professores

O Ministério da Educação e Ciência e a RTP vão lançar um site destinado a ajudar alunos, professores e pais no momento de aprender, tendo dez áreas distintas como Português, Filosofia ou Artes.

O ministério e a Rádio e Televisão de Portugal (RTP) assinaram, esta terça-feira, um protocolo de colaboração para o lançamento e consolidação do projeto "Ensina", um site de "divulgação de conteúdos audiovisuais ligados a diversas temáticas da área da Educação e vocacionado para alunos, professores, pais e público em geral", explicou o ministério em comunicado .

Através de programas já emitidos ou novos conteúdos, o "Ensina" pretende ser uma ferramenta de "consulta rápida e acessível" que irá destacar conteúdos que privilegiem a língua, a cultura e a ciência em português.

O portal vai começar por ter 800 conteúdos formativos e de carácter pedagógico distribuídos por 10 temas: Artes, Português, Ciência, História, Cidadania, Filosofia, Educação para os Media, Espaço Infantil e Conhecer a RTP e RTP nas Escolas.

Segundo o protocolo, a RTP deverá apoiar iniciativas do ministério, assim como poderá apoiar o desenvolvimento de televisões e rádios escolares, através de ações de formação, realização de visitas de estudo às suas instalações e fornecendo conteúdos de apoio às várias temáticas.

Ao Ministério da Educação e Ciência (MEC) também cabe algumas responsabilidades, tais como divulgar junto das escolas as iniciativas da RTP em prol da Educação, como seja o "Ensina".

O acordo agora celebrado e que contou com a presença de responsáveis governamentais e da RTP vigorará por dois anos, sendo automaticamente renovado por igual período.

A cerimónia de assinatura do protocolo realizou-se, esta terça-feira, no Pavilhão do Conhecimento, onde estiveram presentes o ministro da Educação e Ciência, Nuno Crato, o secretário de Estado do Ensino Básico e Secundário, João Grancho, o secretário de Estado adjunto do Ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional, Pedro Lomba, o diretor geral da Educação, Fernando Reis, o presidente do conselho de administração da RTP, Alberto da Ponte, e alunos da Escola Secundária Eça de Queirós, situada no bairro lisboeta dos Olivais.