Sociedade

Pais de alunos de centro escolar em Celorico de Basto impediram início das aulas

Pais de alunos de centro escolar em Celorico de Basto impediram início das aulas

Dezenas de pais de alunos do Centro Escolar de Gandarela, Celorico de Basto, impediram, esta manhã, o início das aulas por discordarem de turmas com alunos de anos diferentes.

Daniel Meireles, autarca da freguesia de Basto de S. Clemente, explicou que foram constituídas turmas que juntavam, num caso alunos do primeiro e terceiro anos, e noutro crianças do segundo e quarto anos.

Os pais, que são apoiados por quatro juntas de freguesia daquela zona do concelho (Basto de S. Clemente, Vale de Bouro, Ribas, e União de Caçarilhe e Infesta), dizem não entender a opção por turmas mistas, porque a escola é nova e tem salas e professores suficientes.

O centro escolar tem 180 alunos, divididos por seis turmas.

Segundo o autarca, ouvido esta segunda-feira pela Lusa, 127 encarregados de educação subscreveram um documento de protesto.

Para o final desta manhã estava prevista uma reunião na sede do agrupamento para tentar encontrar uma solução para a situação denunciada pelos encarregados de educação e autarquias.

Daniel Meireles disse à Lusa que é propósito do pais impedir os filhos de irem à escola até quarta-feira, esperando que até esse dia a situação seja ultrapassada.

ver mais vídeos