Madeira

Família desalojada e escola inundada após "noite complicada" em Santa Cruz

Família desalojada e escola inundada após "noite complicada" em Santa Cruz

A chuva intensa que caiu durante a noite na Madeira deixou uma família desalojada, algumas estradas "intransitáveis" e provocou "algumas derrocadas" no concelho de Santa Cruz. No concelho de Santana, a escola inundou e, esta sexta-feira, não há aulas.

"No sítio da Ribeira, em Santa Cruz, chegou a ser ponderada a evacuação dos moradores, tendo o presidente solicitado alojamento no Hotel Santa Cruz, que, contudo, acabou por não ser necessário, dadas as melhorias entretanto registadas ao nível da pluviosidade", disse o município em comunicado.

A forte chuva "criou alguns constrangimentos no sítio da Ribeira, em Santa Cruz, e no Santo da Serra", acrescenta o texto.

O presidente da autarquia, Filipe Sousa, referiu que foi "uma noite complicada", acrescentando que a situação mais grave foi registada nas Achadas do Barro, onde uma moradia terá ficado sem condições de habitabilidade, sendo necessário "pensar no realojamento da família".

O responsável mencionou que durante a noite várias pessoas "tiveram de sair das suas casas" e que chegou a ser equacionada a "retirada de seis ou sete famílias".

O autarca referiu que esta manhã estão a ser avaliados os problemas e "decorrem trabalhos de limpeza".

Também no concelho de Santana, na zona norte, a chuva inundou a escola e, segundo fonte dos bombeiros locais, foram afetadas as salas do rés-do-chão, pelo que esta sexta-feira não estará em funcionamento.

A zona mais afetada pela forte precipitação é a freguesia do Porto da Cruz, no concelho de Machico, que tem várias estradas condicionadas ou fechadas devido a derrocadas, isolando diversas localidades, e prejuízo em habitações.

Nos restantes concelhos da Região Autónoma da Madeira, as corporações dos bombeiros atestam que não existem situações anómalas a registar.