O Jogo ao Vivo

mau tempo

Gelo provocou 16 acidentes na Guarda

Gelo provocou 16 acidentes na Guarda

A formação de gelo provocou 16 acidentes nas estradas da Guarda, que causaram dois feridos ligeiros e danos materiais.

Segundo fonte do Destacamento de Trânsito da GNR da Guarda, os acidentes foram registados durante a madrugada e manhã nas duas auto-estradas da região (A 25 e A 23) e no acesso ao troço do IP5 junto da localidade de Alvendre.

A mesma fonte da GNR indicou que a auto-estrada A25 (Aveiro/Vilar Formoso) esteve cortada ao trânsito nos dois sentidos, entre os nós da Guarda e de Pinhel, mas "já está transitável" desde cerca das 10:00h.

A acumulação de gelo condicionou a circulação rodoviária em muitas artérias da cidade da Guarda e obrigou ao encerramento de todas as escolas da cidade.

Os bombeiros voluntários da Guarda não têm tido "mãos a medir" para acudir às diversas situações e socorrer pessoas que sofreram quedas devido ao piso escorregadio.

O comandante, Luís Santos, disse à Agência Lusa que os bombeiros já transportaram "muitas pessoas" para o hospital e que "muitas das situações são, sobretudo, de pessoas com idade que caíram" na rua.

"Também fizemos o transporte de médicos e de pessoas importantes que tinham que estar em vários locais", contou Luís Santos.

O responsável salientou que, pelo facto de apenas circularem viaturas todo-o-terreno, a corporação foi reforçada com duas ambulâncias dos corpos de bombeiros de Gonçalo e de Gouveia.

A Protecção Civil Municipal da Guarda está a apelar aos habitantes da cidade para que apenas saiam de casa "por extrema necessidade", como referiu o coordenador Granja de Sousa.

Quem se deslocar para a rua deve ter "muito cuidado, porque os passeios estão totalmente congelados", disse.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG