Sociedade

Força Aérea retirou vítima de ataque cardíaco de paquete em alto mar

Força Aérea retirou vítima de ataque cardíaco de paquete em alto mar

A Força Aérea Portuguesa retirou a noite passada um homem de um navio de passageiros, que navegava a cerca de 120 quilómetros da costa, por necessidade de assistência médica, disse, quarta-feira, fonte do Estado-maior da Armada.

O alerta foi dado via telefone do navio "Braemar", de bandeira das Bahamas, para o Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa às 20:25 de terça-feira, com pedido de apoio a uma "vítima de ataque cardíaco", precisou o comandante João Fernandes.

A Força Aérea enviou para o navio, que se encontrava a sudoeste do cabo de São Vicente, um helicóptero EH-101 para recolher o idoso holandês de 83 anos, acrescentou o oficial de marinha.

O helicóptero aterrou no terminal do aeródromo de trânsito de Figo Maduro, no aeroporto da Portela em Lisboa, às 00:51 de hoje, "tendo o indivíduo sido transportado para o hospital de Santa Maria", concluiu o comandante.

Os helicópteros da Força Aérea Portuguesa estão sediados na esquadra 751, da base aérea do Montijo, com o lema 'Para que Outros Vivam' já resgataram mais de 2.520 pessoas, de acordo com a placa à entrada das instalações daquele grupo.

Imobusiness