Sociedade

Sondas da NASA mostraram imagens da Lua antes de colidirem

Sondas da NASA mostraram imagens da Lua antes de colidirem

Duas sondas gémeas da missão Gravity Recovery and Interior Laboratory da NASA, encarregadas de realizar o melhor mapa gravitacional da Lua jamais obtido, colidiram, no dia 17 de dezembro último, de forma descontrolada contra uma montanha muito próxima do polo norte lunar. Veja o vídeo.

A agência espacial deu a conhecer agora um vídeo com as últimas imagens de uma das naves, batizada com o nome de "Ebb", antes de cair no solo.

O vídeo foi gravado por uma câmara MoonKAM a bordo da nave espacial "Ebb" (a primeira das duas a cair). No momento em que as imagens foram captadas, a sonda encontrava-se a cerca de 10 quilómetros por cima do hemisfério norte da Lua, nas imediações da cratera Jackson.

As imagens foram captadas como forma de uma prova final das equipas da nave espacial antes do impacto previsto sobre uma montanha próxima do polo norte da Lua, segundo informação da NASA. O local do impacto foi denominado "Sally K. Ride", a primeira mulher norte-americana no espaço, que morreu em julho, depois de uma luta contra um cancro do pâncreas.

A equipa da missão anunciou que muito do material a bordo de cada uma das naves espaciais estragou-se com a energia libertada durante o impacto. A maior parte do que restou está, provavelmente, enterrado em crateras pouco profundas.

Lançadas em setembro de 2011, as sondas Ebb e Flow orbitaram a Lua desde o dia 1 de janeiro de 2012. As sondas colidiram intencionalmente devido a não terem altura suficiente nem combustível para continuarem as operações científicas.

A sua principal missão, realizada com êxito, foi a elaboração de um mapa de gravidade lunar, o de maior resolução de campo de qualquer corpo celeste. O mapa proporcionará uma melhor compreensão sobre como se formaram a Terra e outros planetas rochosos do Sistema Solar.