Sociedade

"Libération" sai para as bancas sem fotografias

"Libération" sai para as bancas sem fotografias

O diário francês "Libération" está, esta quinta-feira, nas bancas sem qualquer imagem, surgindo no seu lugar espaços em branco. Esta atitude visa alertar para a importância da fotografia e dos fotógrafos.

A edição desta quinta-feira do icónico título francês, sendo a decisão explicada aos leitores com um texto na capa: "O "Libération" tem imensa gratidão à iconografia, aquela dos fotojornalistas mas também de fotógrafos de moda, retratistas e artistas conceituais. Com o passar dos anos, nossa paixão pela fotografia em todas as suas formas jamais foi abalada".

Os responsáveis editorias vincam que a não publicação de imagens não representa um adeus à fotografia, mais sim "uma forma de homenagear a imagem", pois "a fotografia é uma maneira de mostrar o mundo."

O diário alerta, ainda, para a situação "calamitosa" por que passam os fotógrafos, sobretudo aqueles que cobrem guerras.