Sociedade

Washington Post vendido ao fundador da Amazon

Washington Post vendido ao fundador da Amazon

O fundador e presidente da Amazon, Jeffrey Bezos, comprou o jornal Washington Post por 250 milhões de dólares (189 milhões de euros), noticiou a publicação no seu sítio na internet.

A compra é feita por Bezos individualmente, que vai pagar em dinheiro vivo, ficando na posse da Washington Post Company, o que significa a saída da família Graham ao fim de quatro gerações.

O jornal adianta ainda que a Amazon não vai ter qualquer papel na transação e que Bezos vai ser o único proprietário quando a operação for concluída, o que se espera ocorrer dentro de sessenta dias.

Entre os seus momentos mais altos de jornalismo de investigação estão as divulgações do escândalo Watergate ou do mais recente programa de vigilância da Agência Nacional de Segurança.

A decisão de venda foi tomada no seguimento das alterações estruturais por que passa o setor da comunicação social, designadamente as associadas à internet.