Sociedade

Papa Francisco deitou-se no chão da Basílica de São Pedro para rezar

Papa Francisco deitou-se no chão da Basílica de São Pedro para rezar

O Papa Francisco deitou-se no chão da Basílica de S. Pedro, em Roma, a rezar, esta sexta-feira, durante a paixão de Cristo, que presidiu pela primeira-vez, um dia depois de surpreender ao lavar e beijar os pés de 12 jovens, incluindo uma rapariga muçulmana.

O Papa surpreendeu as milhares de pessoas, entre estas o Corpo Diplomático acreditado junto da Santa Sé, ao deitar-se no chão e rezando vários minutos estendido no solo.

Francisco já tinha surpreendido ao cumprir o ritual pascal lavar, quinta-feira, os pés de 12 detidos, num gesto sem precedentes numa instituição prisional de menores, durante a tradicional missa de Quinta-Feira Santa.

A cerimónia teve lugar no reformatório de Casal del Marmo, nos arredores de Roma, e não na Basílica de São João de Latrão, como é habitual.

Na capela da prisão estiveram 50 jovens e o papa argentino fez uma curta homília, num tom simples, antes de lavar os pés de 12 detidos, incluindo duas raparigas, uma italiana católica e uma sérvia muçulmana.

Também na quinta-feira, o papa Francisco e o papa emérito Bento XVI tiveram uma "longa e intensa" conversa telefónica depois da missa crismal de quinta-feira santa, revelou, esta sexta-feira, o porta-voz do Vaticano, Frederico Lombardi.

O papa Francisco telefonou a Bento XVI depois da missa a que presidiu na manhã de quinta-feira, na Basílica de São Pedro, no Vaticano.

PUB

De acordo com Lombardi, a conversa revela a "união" entre o papa e o pontífice emérito.

Francisco e Bento XVI reuniram-se no passado dia 23 em Castel Gandolfo, onde vive o papa Ratzinger, conversaram sozinhos durante 45 minutos e almoçaram juntos.

Essa foi, até agora, a única ocasião em que se encontraram pessoalmente desde que o cardeal argentino Jorge Mario Bergoglio, de 76 anos, foi eleito papa a 13 de março.

Esta é a terceira vez que os dois papas falam ao telefone, pelo menos de acordo com as informações oficiais.

O papa Francisco telefonou a Bento XVI imediatamente a seguir a ser eleito pelos cardeais no conclave e também no passado dia 19, dia de São José, já que o nome de batismo de Bento XVI é Joseph (José).

Bento XVI, de quase 86 anos, reside atualmente em Castel Gandolfo enquanto espera pelo fim das obras de melhorias no mosteiro no interior dos jardins do Vaticano, onde viverá depois da sua renúncia.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG