Sociedade

Perto de oito mil pessoas perderam Rendimento Social de Inserção entre setembro e outubro

Perto de oito mil pessoas perderam Rendimento Social de Inserção entre setembro e outubro

Quase oito mil pessoas perderam o Rendimento Social de Inserção entre setembro e outubro, havendo agora mais de 247 mil beneficiários, segundo os dados mais recentes do Instituto de Segurança Social.

Os números da Segurança Social, com referência a 01 de novembro, revelam que, em setembro, havia registo de 255.087 beneficiários, número que diminui 3,11% em outubro, para 247.132 pessoas a receberem a prestação social.

Contas feitas e comparando períodos homólogos, significa que, num ano, entre outubro de 2012 e outubro de 2013, 38.829 beneficiários perderam o acesso a esta prestação social, o que representa uma diminuição de 13,5%.

Esta é, aliás, uma tendência que se verifica desde as alterações às regras de atribuição das prestações sociais e que já fez com que, desde julho de 2012, mais de 53.500 pessoas tivessem perdido o direito a receber o RSI.

Os dados da Segurança Social revelam igualmente que a maioria dos beneficiários do RSI está concentrada nos distritos do Porto (70.202), Lisboa (48.174) e Setúbal (20.119).

É também nos distritos do Porto e Lisboa que se concentra o maior número de famílias a beneficiar deste apoio, com 19.955 e 28.952, respetivamente.

No total, 100.532 famílias beneficiavam deste apoio em outubro, menos 3.330 em relação a setembro.

Segundo o ISS, o valor médio por beneficiário aumentou ligeiramente entre estes dois meses, passando de 83,24 euros, em setembro, para 83,86 euros, em outubro.

Por família, o valor passou de 208,04 euros em setembro, para 208,85 euros no mês passado.

Outras Notícias