O Jogo ao Vivo

Sociedade

Quem mais trai as mulheres? Católicos e benfiquistas

Quem mais trai as mulheres? Católicos e benfiquistas

Um inquérito realizado pelo Secondlove permitiu traçar o perfil do típico traidor português: benfiquista, cristão e que, apesar de estar rodeado da família, ainda consegue flirtar com alguém que ande por perto.

Mulheres de benfiquistas que estejam de férias, atenção! Uma terceira pessoa pode estar a gozar do mesmo calor. E o brilho que os olhos desses maridos de águia ao peito apresentam não, não é do sol. O alerta é do Secondlove.

Segundo um inquérito deste site, dedicado a quem procura alguém fora de uma relação, o infiel português não só trai a mulher com quem acabou de conhecer, como aproveita todos os intervalos para falar com a amante, quer através do Whatsapp (aplicação para smarthphones), quer através do email.

A totalidade dos 1120 inquiridos pelo Secondlife admitiu que manteve contacto com a amante, mesmo com a mulher ali ao lado. 16% até responderam "algumas vezes por dia".

Só 25% responderam "mais do que uma vez" quando questionados sobre a periodicidade com que saltou a cerca durante as férias - sem contar com a amante fixa, que está sempre no pensamento do traidor.

Aliás, o inquérito revela que estes homens, dos quais 45% disseram ser benfiquistas, estão sempre à coca do que aparece, mas lamentam não ter ali a amante: 45% gostavam de ter umas miniférias com ela, de preferência, noutro país ou, ainda, na praia. Mas no campo também seria bom (disseram 10%).

Apesar do seu cristianismo (54,7% assumiram que o são), o traidor não faz questão que a pessoa com quem vai para a cama partilhe da sua religiosidade. 94% não querem saber a que religião a amante se entrega.

Este estudo do site Secondlove, que tem 126 mil utilizadores, segue-se a um outro em que a maioria dos homens admitiu que só era feliz com uma relação aberta, onde a amante lhe proporcione o que não encontra em casa: sexo anal, oral e uma conversita após o clímax. Para tal, este infiéis, que sonham em estar com duas mulheres ao mesmo tempo, eram capazes de percorrer mais de 50 quilómetros para combater a monotonia no casamento.

Às mulheres dos benfiquistas que já foram de férias, e para quem o alerta já chega tarde demais, o Secondlove deixa algumas dicas tentadoras: o site tem já 31500 mulheres inscritas e à sua mercê têm homens trintões, com educação superior, portistas (25%) e sportinguistas (19%).

Outras Notícias