Sociedade

Aprovada a criação do enfermeiro de família

Aprovada a criação do enfermeiro de família

O Governo aprovou, esta quinta-feira, a criação da figura do enfermeiro de família nos centros de saúde, uma medida há muito reclamada pela Ordem dos Enfermeiros.

O Conselho de Ministros aprovou os princípios e o enquadramento da atividade do enfermeiro de família no âmbito das unidades funcionais de prestação de cuidados de saúde primários, nomeadamente Unidades de Saúde Familiar e Unidades de Cuidados de Saúde Personalizados.

O desenvolvimento desta nova atividade vai obedecer a um plano de ação, mediante experiências piloto a desenvolver em cada Administração Regional de Saúde, a partir do segundo semestre de 2014.

Cabe à Direcção-Geral da Saúde (DGS), em colaboração com a Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS), "elaborar a metodologia de trabalho do enfermeiro de família e as áreas de competência e de partilha que permitam assegurar a integração e continuidade dos cuidados ao indivíduo e família no âmbito da equipa multiprofissional", afirma o comunicado do Conselho de Ministros.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG