O Jogo ao Vivo

Sociedade

Bastonário considera um escândalo contratar enfermeiros a 3,96 euros

Bastonário considera um escândalo contratar enfermeiros a 3,96 euros

O bastonário da Ordem dos Enfermeiros, Germano Couto, considerou esta segunda-feira, no Porto, ser um "escândalo" que aqueles profissionais de saúde estejam a ser contratados pelo Estado a menos de quatro euros por hora.

Em declarações aos jornalistas, Germano Couto afirmou que a Ordem tem efetivamente recebido "um conjunto de denúncias por parte de dezenas de enfermeiros", aos quais estão a ser oferecidos contratos "a 3,96 euros à hora".

"Isto é um escândalo para Portugal, para um país que se diz do primeiro mundo, que está a oferecer a profissionais altamente diferenciados um valor/hora que não se compactua nem com a sua profissão nem com a sua dignidade", sustentou.

O bastonário reagia à notícia avançada esta segunda-feira pelo "Diário de Notícias", segundo a qual as novas regras do Estado estabelecem que os enfermeiros contratados por empresas de prestação de serviços nos centros de saúde de Lisboa e Vale do Tejo passem a receber, a partir desta segunda-feira, menos de quatro euros por hora em vez de seis, valor que recebiam até agora.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG