Sociedade

Hospital Pedro Hispano poupa 4,4 milhões de euros em exames

Hospital Pedro Hispano poupa 4,4 milhões de euros em exames

Em 2003, a unidade local de saúde de Matosinhos fez contas à vida. Gastava 5,5 milhões em exames fora, apesar da capacidade instalada. Decidiu fazê-los em casa. Em 2013 já só pagou 1,1 milhão a privados.

Há 11 anos que a Unidade Local de Saúde de Matosinhos (ULSM), que junta o Hospital Pedro Hispano e os centros de saúde do concelho, faz o que o Ministério da Saúde anunciou, há semanas, que quer ver: quem precisa de análises faz a colheita ali mesmo e o produto é analisado pelo hospital de que depende a unidade, sem necessidade de recorrer aos convencionados. A ideia é poupar parte dos 150 milhões que o Estado paga aos laboratórios privados.

Leia mais na edição e-paper ou na edição impressa

Outros Artigos Recomendados