Sociedade

Bruxelas anuncia 144 milhões de euros para investigar doenças raras

Bruxelas anuncia 144 milhões de euros para investigar doenças raras

Bruxelas anunciou, esta quinta-feira, uma verba de 144 milhões de euros para financiar 26 projetos de investigação com vista a melhorar a perceção das doenças raras e descobrir novos tratamentos

Cerca de 30 milhões de europeus, incluindo muitas crianças, sofrem de doenças raras, explicou a Comissão Europeia num comunicado difundido por ocasião do Dia Internacional das Doenças Raras que é assinalado esta quinta-feira.

Existem entre 6000 a 8000 doenças raras, a maioria de origem genética, cada uma delas a afeta uma em 2000 pessoas na União Europeia.

Os projetos selecionados por Bruxelas cobrem uma vasta gama de doenças raras, incluindo as doenças cardiovasculares, metabólicas e imunológicas.

O objetivo é aumentar a compreensão da origem e dos mecanismos das doenças raras, proporcionar uma melhor triagem para melhorar as terapias existentes ou desenvolver novas, de acordo com o comunicado.

Os projetos vão reunir mais de 300 universidades, empresas e associações de 29 países europeus ou não.