Arqueologia

Santarém

Tomar: ossadas descobertas junto ao Convento de S. Francisco na obra da Várzea Grande

Depois de no início do ano terem sido descobertos vestígios do cemitério que existiria alocado à Igreja do Convento de São Francisco, em Tomar, a equipa da empresa ArqueoScallabis, contratada pelo empreiteiro geral para acompanhar a obra da Várzea Grande e imediações, encontrou, esta segunda-feira, um conjunto de ossadas e esqueletos que se crê serem resultantes de inumações feitas até ao século XIX.

Imagens

Últimas