O Jogo ao Vivo

Cancro da mama

Saúde

Menos de 20% das mulheres lisboetas aderem ao rastreio do cancro da mama

Apenas uma em cada cinco mulheres da área da Grande Lisboa convocadas para o rastreio do cancro da mama realizou o exame. Os dados foram revelados esta quarta-feira pela Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) alertando que a região tem uma maior incidência de resultados positivos face a outras zonas do país há mais tempo cobertas pelo rastreio. A baixa adesão pode também ser em parte explicada pela falta de médicos de família.

Imagens

Últimas