F. C. Porto Campeão

Opinião

Caçador de mitos, o indomável Dragão

Mais do que um clube, dir-se-ia se não fosse vento que viesse da Catalunha. "Azul, branca, indomável, imortal", essa bandeira avançou e conquistou um título que bem podia ser o tri que levaria o F. C. Porto a um novo penta. Não fosse tudo o que se passou na recta final da época passada e seria este o futuro risonho com que os portistas estariam hoje a sonhar. De volta à base, como se de basebol se tratasse, a segurança dos timoneiros: Pinto da Costa e Sérgio Conceição voltam a ganhar, merecidamente, no ano em que sofreram maior contestação. A alegria dos adeptos, todo este júbilo que inunda as casas porque as ruas envelheceram temporariamente para festejos, é mais do que merecida. É já um mito, o dos salteadores da arca do Dragão. A nova história da nova hegemonia no futebol português está sempre a ser reescrita, tantas voltas já deu no paleio.

Imagens

Últimas