festa

Exclusivo

Simples e austero. Quem foi João Batista, o padroeiro da maior festa do Porto

O que começou por ser uma festa pagã para celebrar a natureza, a abundância e para mostrar adoração ao Deus do Sol, foi, mais tarde, cristianizada pela Igreja Católica, que fez de São João Batista o padroeiro do solstício de verão. Mas, afinal, como é que o primo de Jesus, um homem simples e sério, se tornou patrono de uma das festas mais eufóricas que existem?

Imagens

Últimas