investigação criminal

Investigação

Procurador desafia MP e PJ a investirem mais na perda de vantagens do crime 

O procurador-geral adjunto Euclides Dâmaso exortou, esta terça-feira, o Ministério Público e a Polícia Judiciária empenharem-se mais na recuperação de bens e património resultantes das atividades criminosas, por considerar que os seus resultados, nessa luta, são muito insatisfatórios, apesar de disporem de instrumentos legais especificamente concebidos com esse fim há mais de uma década. A "cultura judiciária avessa a mudanças" é, segundo o magistrado jubilado, um dos obstáculos que podem explicar a inoperância.

Imagens

Últimas