O Jogo ao Vivo

Sangue

"Máfia do Sangue"

Cunha Ribeiro acusado de tentar comprar silêncio de bastonária dos enfermeiros

Cunha Ribeiro, o ex-presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) de Lisboa a quem o Ministério Público (MP) acaba de imputar 12 crimes no caso "Máfia do Sangue", é acusado pela bastonária dos enfermeiros, Ana Rita Cavaco, de lhe ter proposto o arquivamento de um processo disciplinar, se ela deixasse de falar, no Conselho Nacional do PSD, das relações dele com o gerente da Octapharma, Lalanda e Castro.

Imagens

Últimas