Tendências

Tendências

Berços onde borbulham empresas do futuro

O conceito nasceu no Panamá, em 2014, pela mão de dois israelitas, Daniel Rudasevski e Rafael Museri, e está espalhado por várias latitudes. Global é mesmo a palavra-mote dos Selina, espaços que juntam alojamento e coworking, autênticas plataformas de interação entre pessoas de diferentes nacionalidades que ali encontram abrigo que lhes dê asas a sonhos de empreendedorismo que não cabem em escritórios convencionais. Em Portugal, a primeira cidade a receber um Selina foi o Porto. Em 2018 abriu uma unidade na Rua das Oliveiras, na Baixa. Há pouco mais de um mês, a um quarteirão de distância, foi inaugurado um […]

Tendências

Padrões militares voltam a marchar

Quando se fala em padrão militar é inevitável que nos venham à memória as fardas com estampado camuflado que oscila entre verde tropa, caqui e castanho. Tanto as grifes como as marcas de pronto-a-vestir voltam a apostar no padrão. Para homem e mulher, esta estação não faltam botas, sapatilhas, casacos, calças, t-shirts, bonés, mochilas e coordenados com “army print”. Susana Marques Pinto, stylist, reconhece que o camo (ou seja, camuflagem militar) é um clássico: “Já há uns valentes anos é frequente as pessoas terem uma peça com o padrão no guarda-roupa”. A lisboeta assegura que “é um estampado bastante versátil. […]

Tendências

O fenómeno da gata sem boca

Tudo começou do outro lado do Mundo, no Japão, com uma indicação precisa, um objetivo concreto. A Sanrio, empresa instalada em Tóquio, pediu à designer Ikuko Shimizu para dar vida a uma personagem animal que puxasse pela criança que há dentro de cada um. E assim, em 1974, nascia a Hello Kitty, gata japonesa vestida de azul com laço vermelho na cabeça e sem boca para guardar segredos ou experimentar os sentimentos de quem está a seu lado. A primeira imagem da Kitty foi estampada num pequeno porta-moedas, o primeiro artigo que hoje é peça de museu e vale milhões. […]

Tendências

Chapéus para um inverno mais cool

Texto por Sara Oliveira Usaram-se nos anos 1960 e também nos 90 e estão de regresso às ruas. Falamos dos “bucket hats”, que muitos conhecem como chapéus de pescador, que “têm vindo a ser tendência, principalmente no universo mais jovem, quer usado por mulheres quer por homens”. Quem o diz é o editor de moda e stylist Diogo Raposo Pires, destacando a aposta das marcas neste acessório. Desportivo ou mais formal, o chapéu em formato de balde pode encaixar com estilo nas cabeças. E assim deu o exemplo a Dior, ao apresentar propostas com padrões ou simplesmente em preto, mas […]

Imagens

Últimas