transporte ferroviário

Polémica

"Comboios sobrelotados na Alemanha", disse Greta, que ia em primeira classe

A jovem ativista sueca Greta Thunberg, de 16 anos, escreveu no Twitter, no sábado, que estava a "caminho de casa" a viajar pela Alemanha em "comboios sobrelotados". Este domingo, a empresa ferroviária alemã Deutsche Bahn (DB) reagiu dizendo que seria "mais simpático" se Greta tivesse dito também como foi bem tratada pelos funcionários enquanto viajava em primeira classe.

Imagens

Últimas