"Menina de Napalm" conta como foto mudou a sua vida

04/06/2012
Foi há 40 anos que o fotógrafo Huynh Cong Ut se sagrou como autor da imagem da "Menina de Napalm", onde se vê uma criança nua em fuga, durante a guerra do Vietname. A protagonista da imagem conta como foi a sua vida depois do momento em que foi fotografada.
 
Arquivo JN
Kim Phuc tem atualmente 49 anos e sobreviveu a queimaduras de terceiro grau

"Sempre quis fugir da imagem daquela rapariga, mas parece que a fotografia nunca me deixou", explica Kim Phuc, a menina da fotografia, atualmente com 49 anos.

Kim recorda que ouviu soldados exaltados a 8 de Junho de 1972. "Temos que fugir daqui, eles vão bombardear-nos, vamos morrer", gritaram.

Segundos depois, fumo roxo e amarelo já tinha envolvido o templo Cao Dai, local onde a família da menina estava abrigada há três dias. Várias bombas explodiram, fruto dos confrontos entre as forças militares vietnamitas de norte e sul, pelo controlo da cidade.

Kim sentiu o chão tremer, olhou para cima e rapidamente se apercebeu de que um avião estaria prestes a sobrevoá-la. Sem que desse conta do que iria acontecer, a menina foi atingida por Napalm, que a feriu gravemente.

Reconhecida como a "Menina de Napalm", Kim foi queimada de uma maneira quase instantânea. Não havia solução para o seu braço esquerdo, desfigurado pelas queimaduras e o mesmo quase se podia dizer das suas roupas, que inflamaram no momento da explosão.

Kim estava em choque e gravemente ferida quando se apressou até à autoestrada 1, onde se juntou ao irmão. Quando chegou ao destino, a menina cedeu aos ferimentos e desmaiou, não tendo visto as dezenas de jornalistas estrangeiros que ali estavam para registar o acontecimento.

Ler Artigo Completo
 
 
 
subscreva já
newsletter diária jn
Receba diariamente no seu e-mail a Newsletter do JN e alertas de última hora
subscrever

 
 
Mais Mundo
06.07.15
Um telescópio australiano detetou um sinal emitido pela galáxia PKS B1740-517, situada perto da constelação de Ara, o qual tinha sido emitido há cinco...
06.07.15
Pelo menos 44 pessoas morreram em dois ataques bombistas em Jos, no centro da Nigéria, após um fim de semana sangrento provocado pelo grupo extremista...
05.07.15
O papa Francisco instou hoje os equatorianos a fomentar o diálogo e a participação sem exclusões, no seu discurso no aeroporto de Quito, a primeira...
05.07.15
Os três partidos com assento parlamentar em Cabo Verde enumeraram hoje os vários ganhos que o país conseguiu nos 40 anos da sua independência, mas...
Comentar
Caracteres Disponíveis: 750
Enviar Comentário
Obrigado! O seu comentário ficará visível dentro de momentos.
Ocorreu um erro. Tente novamente mais tarde.

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores.
Consulte a Conduta do Utilizador, prevista nos Termos de Uso e Política de Privacidade. O JN reserva-se ao direito de apagar os comentários que não cumpram estas regras. Aparecer como anónimo - os dados (nome e-mail) são ocultados.
Os comentários podem demorar alguns segundos para ficarem disponíveis no site.

 

Mais Lidas
02.07.15
A mãe que deixou o filho de três anos morrer num baloiço, nos EUA, esteve no funeral da criança e levou uma carta com uma dedicatória. Os pais, que...


Global Notícias - Media Group S.A. Todos os direitos reservados
Termos de Uso e Política de Privacidade |  Ficha Técnica |  Quem Somos |  Contactos |  Webmaster This website is ACAP-enabled