Provável presença de portugueses a bordo do avião moçambicano desaparecido

29/11/2013
O secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Cesário, admitiu, este sábado, como provável a presença de passageiros portugueses a bordo do avião das Linhas Áreas Moçambicanas que está dado como desaparecido desde sexta-feira.
 
TAGS

"Tememos que haja portugueses a bordo. Não temos nenhuma informação segura, mas admitimos que possa haver portugueses", disse à agência Lusa o secretário de Estado.

Leia Também

Até ao momento, o Governo português, que está a acompanhar a situação, não tem qualquer confirmação de que o desaparecimento do avião da LAM tenha na origem um acidente e, mesmo não querendo "entrar em especulações", o secretário de Estado admitiu como "uma hipótese remota" a aeronave ter "aterrado algures".

As últimas informações recolhidas por José Cesário indicavam que as buscas na região de Rundo, no norte da Namíbia, onde se acredita que o avião terá desaparecido, foram interrompidas com a chegada da noite, uma vez que se tornou impossível para as autoridades locais prosseguirem as buscas naquela que é uma zona de selva e devido ao mau tempo que se faz sentir, com chuvas fortes e trovoadas.

As buscas devem ser retomadas ao início do dia, adiantou o governante português.

O avião, com 34 pessoas a bordo, fazia a ligação Maputo-Luanda, "está desaparecido" e que estão a ser feitas buscas no norte da Namíbia.

Em declarações aos jornalistas, no aeroporto de Maputo, Marlene Manave, da LAM, explicou que o "avião está desaparecido" desde o início da tarde, quando sobrevoava o norte da Namíbia, numa zona perto do Botsuana e de Angola, onde se verificaram chuvas muito fortes.

Ler Artigo Completo
 
 
 
subscreva já
newsletter diária jn
Receba diariamente no seu e-mail a Newsletter do JN e alertas de última hora
subscrever

 
 
Mais Mundo
03.07.15
Mais de 1300 estrangeiros em situação ilegal foram expulsos de Angola na última semana de junho, um aumento de quase 400 casos numa semana.
03.07.15
Um helicóptero da SonAir, serviço aéreo da petrolífera estatal angolana Sonangol, está desaparecido com seis pessoas a bordo.
Comentar
Caracteres Disponíveis: 750
Enviar Comentário
Obrigado! O seu comentário ficará visível dentro de momentos.
Ocorreu um erro. Tente novamente mais tarde.

Nota: Os comentários deste site são publicados sem edição prévia e são da exclusiva responsabilidade dos seus autores.
Consulte a Conduta do Utilizador, prevista nos Termos de Uso e Política de Privacidade. O JN reserva-se ao direito de apagar os comentários que não cumpram estas regras. Aparecer como anónimo - os dados (nome e-mail) são ocultados.
Os comentários podem demorar alguns segundos para ficarem disponíveis no site.

 

Mais Lidas
02.07.15
A mãe que deixou o filho de três anos morrer num baloiço, nos EUA, esteve no funeral da criança e levou uma carta com uma dedicatória. Os pais, que...


Global Notícias - Media Group S.A. Todos os direitos reservados
Termos de Uso e Política de Privacidade |  Ficha Técnica |  Quem Somos |  Contactos |  Webmaster This website is ACAP-enabled