Óbito

Atleta olímpico Germaine Mason morreu num acidente de mota

Atleta olímpico Germaine Mason morreu num acidente de mota

O atleta Germaine Mason morreu na madrugada desta quinta-feira, num acidente de mota, em Kingston, na Jamaica, de onde era natural. O amigo Usain Bolt foi o primeiro a chegar ao local.

O atleta de 34 anos despistou-se pelas 4.30 horas locais, a caminho de Kingston, depois de ter saído de uma festa.

Mesmo antes de a morte ter sido confirmada oficialmente, o primeiro-ministro jamaicano enviou publicamente as condolências à família de Germaine Mason.

"Todas as pessoas que trabalharam com Germaine estão, naturalmente, consternadas com esta notícia trágica. Enviamos as nossas condolências à família e aos amigos de Germaine, bem como à comunidade do atletismo, nesta hora difícil", disse o diretor executivo da federação britânica, Niels de Vos.

Mason é o detentor do recorde jamaicano do salto em altura, alcançado antes de adquirir a nacionalidade britânica, em 2006, tendo como ponto alto da carreira a conquista da medalha de prata em Pequim2008, igualando o máximo pessoal de 2,34 metros.

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado