Sintra

Segurança Social culpada por mortes em lar ilegal

Segurança Social culpada por mortes em lar ilegal

Instituto conhecia falta de condições para idosos mas só fechou vivenda 14 dias após a tragédia. Supremo Tribunal de Justiça encerra caso após 17 anos.

O Instituto da Segurança Social foi condenado a indemnizar duas famílias pelas mortes de dois utentes de um lar de idosos ilegal, na sequência de um incêndio.

Leia mais na edição e-paper ou na edição impressa.

Leia a nossa Edição Impressa ou tenha acesso a todo o conteúdo no seu computador, tablet ou smartphone assinando a versão digital aqui

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado

Outros conteúdos GM