EUA

Todos os vídeos europeus em resposta ao "America First" de Trump

Todos os vídeos europeus em resposta ao "America First" de Trump

Depois da resposta holandesa - entretanto tornada viral - ao discurso nacionalista adotado por Trump na tomada de posse da presidência, vários países europeus reproduziram vídeos semelhantes.

As respostas ao "America First" (America Primeiro) apregoado por Trump são da autoria de programas de entretenimento que habilmente esmiuçaram expressões e ideias repetidas pelo novo presidente, adaptando-as à realidade do seu país.

Holanda

"Temos o melhor parque de póneis do mundo. É verdade. Pode montá-los. Pode namoriscar com eles. Pode agarrá-los pelo rabo (de cavalo), é fantástico", narra-se no vídeo holandês, em referência ao mais que falado "Grab them by the pussy" (Agarrem-nas pela vagina), expressão usada pelo multimilionário num programa de televisão.

Suíça

"Querido Sr. Presidente, bem-vindo à Suíça, o país mais sensual da Europa. Olhe para as nossas montanhas. Montanhas grandes e largas. Não somos lisos como, por exemplo, a Holanda. Eles são super lisos, desastre total", assim começa o vídeo de apresentação da Suíça ao presidente norte-americano, com uma analogia entre o relevo montanhoso do país e a atração por mulheres voluptuosas já assumida por Trump.

Dinamarca

"Vocês têm a estátua da Liberdade. Nós temos...a (estátua da) pequena sereia. Mas não deixem que o nome vos engane, ok? A pequena sereia é enorme. Não é pequena. É Enorme, ok? Assim como as suas (de Trump) mãos são grandes." Recorde-se que Trump usa, várias vezes, a expressão "huge" (enorme).

Alemanha

"A Alemanha tem uma grande história - é verdade - a melhor do mundo. Grandes políticos. Grandes líderes (referência a Hitler). Super esperto. Cabelo ótimo. Fato ótimo. Olhem para este fato. Fez a Alemanha grande outra vez."

Lituânia

"A Holanda fê-lo primeiro. E depois? Nós estamos no centro da Europa e somos o melhor país da Europa. Parágrafo. Todos os outros são falhados. (...) Temos a Internet mais rápida do mundo, incrível. É verdade. Imagine o quão rapidamente vai poder tweetar." A utilização exacerbada da rede social Twitter pelo presidente Trump tem sido alvo de críticas desde a campanha eleitoral.

Portugal não escapou à regra. Esta semana, o programa de televisão "Cinco para a meia-noite" lançou um vídeo de apresentação do país a Trump em que elogia, de forma irónica, a capacidade que D. Afonso Henriques teve de expulsar os árabes de terras lusas.

Recomendadas

Conteúdo Patrocinado

Outros conteúdos GM