Política

Cavaco Silva lança livro para completar "prestação de contas"

Cavaco Silva lança livro para completar "prestação de contas"

"Quinta-feira e outros dias" é o livro que o ex-presidente da República Aníbal Cavaco Silva vai lançar este mês, uma obra para "completar a prestação de contas aos portugueses" e revelar factos "desconhecidos dos cidadãos".

Segundo avançou a Rádio Renascença, esta segunda-feira, o lançamento do livro está marcado para dia 16 de fevereiro, precisamente uma quinta-feira, no Centro Cultural de Belém, pelas 18.30 horas.

No site da Fnac já está disponível uma apresentação do livro, feita na primeira pessoa, pelo próprio antigo chefe de Estado, que tradicionalmente se reunia às quintas-feiras com o primeiro-ministro.

"Tendo mantido até agora reservada parte importante da minha ação como Presidente da República, convicto de que essa era a melhor forma de defender o superior interesse nacional - e nunca tendo ocorrido fugas de informação para a comunicação social sobre o que se passou nos meus encontros com o primeiro-ministro e outros membros do Governo -, entendo que é altura de completar a prestação de contas aos Portugueses dando público testemunho de componentes relevantes da minha magistratura que são, em larga medida, desconhecidos dos cidadãos", refere Cavaco Silva.

De acordo com a descrição do livro, a obra tem 592 páginas e será publicada pela Porto Editora.

Na capa pode ver-se uma fotografia de Cavaco Silva tirada na varanda do Palácio de Belém, com vista para os jardins.

Cavaco Silva deixou a Presidência da República a09 de março de 2016, ao fim de dez anos na chefia do Estado.

Dez meses antes de completar o segundo mandato em Belém, Cavaco Silva tinha prometido que as suas "memórias" só seriam escritas depois de 9 de março de 2016.

O novo livro de Cavaco Silva, que depois de deixar o cargo de primeiro-ministro, que também exerceu durante dez anos, entre 1985 e 1995, publicou duas obras com a sua "autobiografia política" chegará às bancas três semanas antes de se completar um ano que saiu da Presidência da República.

Recomendadas

Outros conteúdos GM

Conteúdo Patrocinado