Em Atualização

Estado compra 15 milhões de euros de publicidade institucional aos média

Estado compra 15 milhões de euros de publicidade institucional aos média

O Governo anunciou, esta sexta-feira, em conferência de imprensa, o apoio destinado aos órgãos de comunicação social, no âmbito da crise pandémica.

A antecipação de compra de publicidade institucional é a primeira medida anunciada pelo executivo, com um valor de 15 milhões de euros. A intenção é apoiar os órgãos de comunicação social, e aproveitar para comunicar aos cidadãos informação relacionada com a saúde pública, com a educação e também com outras áreas importantes para a retoma da atividade pública.

O anúncio foi feito em conferência de imprensa, onde estão a ministra de Estado e da Presidência, Mariana Vieira da Silva, a ministra da Cultura, Graça Fonseca, e o secretário de Estado do Cinema, Audiovisual e Media, Nuno Artur Silva.

A ministra da Cultura assegurou que 25% da verba vai ser alocada aos meios de comunicação regionais e locais.

A metodologia para a distribuição do apoio será trabalhada durante a próxima semana e só depois o apoio chegara aos diferentes meios.

"É um valor que será o triplo do previsto no orçamento de 2020" para a publicidade institucional, sublinhou Graça Fonseca, que acrescentou que 75% do dinheiro será para a componente informação dos grupos de comunicação nacionais. "Vamos depois dialogar com as empresas para saber como o vamos distribuir".

O investimento publicitário "pode ser utilizado este ano e ao longo de 2021" e "poderá vir a ser atualizado caso seja necessário".

A«Graça Fonseca explicou ainda que " RTP/RDP e Lusa estão fora desta processo, uma vez que já contam com a participação do Estado"

Outras Notícias