O Jogo ao Vivo

Música

Linda de Suza internada em França em estado "muito grave"

Linda de Suza internada em França em estado "muito grave"

Cantora portuguesa há muito emigrada em França está a sofrer complicações provocadas pelo covid-19 e estará a manifestar "distúrbios psicológicos". Médicos estão pessimistas.

A cantora portuguesa Linda de Suza, de 74 anos, que reside em França, está hospitalizada há várias semanas e o seu estado de saúde agravou-se nos últimos dias, sendo considerado "muito grave".

A informação foi avançada pelo jornal francês "France Dimanche".

PUB

A cantora de "Mala de cartão" está sob cuidados hospitalares, mas não foi revelado o nome da instituição de saúde onde está internada.

Entre as razões clínicas, são referidos distúrbios psicológicos. A cantora terá mesmo deixado de comer. As equipas médicas que a acompanham, citadas pelo "France Dimanche", falam mesmo em "escassas hipóteses de recuperação".

Recorde-se que Linda de Suza já tinha sido internada de urgência em 2020, por alturas dos primeiros confinamentos decretados em França devido à pandemia da doença respiratória da covid-19, que é provocada pelo coronavírus. A artista foi contaminada mas conseguiu vencer a doença - que terá, no entanto, deixado sequelas.

Nascida em Beringel, no concelho alentejano de Beja, Linda de Suza, cujo nome civil é Teolinda Joaquina de Sousa Lança, viveu num orfanato dos 5 aos 11 anos de idade.

Emigrou para Franca em 1970, trabalhou como empregada de limpezas, sendo "descoberta", durante os anos de 1970 a cantar num café, o "Chez Loisette", em Saint-Ouen. Em 1978 lança o seu primeiro single "Um português".

É essa, ainda hoje, uma das suas cantigas mais famosas, cujos versos contêm a seguinte frase: "Duas malas de cartão numa terra de França, Um português deixou assim o seu Portugal".

Em 1979 edita o single "Uma moça chorava" e o álbum "Amália/Lisboa". Seguem-se vários discos, nos anos de 1980, como "Canta Português", "L'Etrangère" ou "Comme Vous".

Continuou a editar e a dar espetáculos durante os anos 1990, destacando-se "Simplement vivre" e o derradeiro "Tiroli Tirola". A partir dos anos 2000 tem lançado compilações de êxitos e registos ao vivo.

A sua vida pessoal foi sempre muito conturbada. Em 2010, a cantora apresentou queixa por roubo de identidade contra o homem com quem tinha vivido. E vivia mal: terá dito que só dispunha de 400 euros por mês.

Mas soube superar as adversidades, e recuperou a carreira., fazendo digressões em 2014, 2016 e 2017.

Em 2020, Linda de Suza conseguiu montar um novo projeto, "Postais de Portugal", e preparava-se para entrar em tournée. Mas a vida trocou-lhe de novo as voltas e os espetáculos acabaram por ser cancelados devido à pandemia do coronavírus e à degradação do seu próprio estado de saúde quando contraiu covid-19.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG