Futebol

Arouca bate Rio Ave e dá passo gigante rumo à Liga

Arouca bate Rio Ave e dá passo gigante rumo à Liga

O Arouca está em vantagem no play-off de acesso à Liga depois de ter vencido, em casa, o Rio Ave, por 3-0, no encontro da primeira mão, ficando perto do regresso ao principal escalão do futebol português.

Pité, aos 43 minutos, Sema Velázquez (58) e André Silva (74) fizeram os golos da décima vitória consecutiva dos arouquenses, castigando a exibição cinzenta dos homens de Vila do Conde, cuja luta pela permanência fica comprometida para a segunda mão, a disputar no domingo.

A formação da casa saiu para o relvado com nove vitórias seguidas na 'bagagem' e três dias de descanso, enquanto os vila-condenses beneficiaram de uma semana de preparação, tendo interrompido uma série de 11 jogos sem vitórias na última jornada da I Liga, ao vencer no reduto do Nacional (2-1).

Apesar das ausências de Fábio Coentrão, Rafael Camacho e Francisco Geraldes, os comandados por Miguel Cardoso entraram melhor e no primeiro quarto de hora ameaçaram por três vezes a baliza de Victor Braga, a melhor num remate de Meshino que saiu por cima da trave.

O Arouca ajustou e a partida entrou num ritmo 'morno', com as duas formações 'fechadas' e a jogar na expectativa, tendo o próximo lance de perigo surgido aos 30 minutos, uma grande oportunidade que Carlos Mané desperdiçou após cruzamento ao segundo poste de Pedro Amaral.

O primeiro remate dos arouquenses só apareceu aos 37 minutos, encaixado facilmente por Kieszek, numa altura em que a formação de Armando Evangelista começava a crescer na partida, comandado pela irreverência de Bukia, que poucos minutos depois fugiu a três defesas e cruzou ao segundo poste, onde André Silva falhou o desvio por centímetros.

Já perto do intervalo, o calcanhar do extremo congolês lançou Thales no flanco direito, o 'capitão' passou atrasado para Pité que recebeu e atirou colocado, inaugurando o marcador, o terceiro golo em dois jogos do médio que saiu lesionado ao descanso.

PUB

O recomeço da partida trouxe Lawrence Ofori para o lugar do autor do golo, mas pouco mudou na dinâmica da 'turma' de Armando Evangelista, que dilatou a vantagem no primeiro lance de perigo do segundo tempo.

Leandro Silva cobrou rapidamente um livre no meio-campo adversário, Thales fugiu pela direita e com um cruzamento tenso encontrou Sema Velázquez, que desviou para o fundo das redes.

Pouco depois, no seguimento de um pontapé de canto, Leandro Silva cabeceou contra o corpo de um defesa e ficou a reclamar penálti, mas João Pinheiro mandou seguir depois de analisar as imagens do vídeoárbitro.

O endiabrado Bukia continuou a dar dores de cabeça aos vila-condenses e, aos 74 minutos, levantou para o segundo poste, onde apareceu André Silva que encheu o pé e atirou de primeira para o terceiro golo da formação da casa.

Já em cima dos 90 minutos, o Rio Ave desperdiçou duas grandes oportunidades, primeiro Júnior Brandão atirou por cima na pequena área e, pouco depois, Guga em boa posição atirou torto.

A segunda mão do play-off está agendada para domingo, às 19 horas, em Vila do Conde.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG