Futebol

SAD do Benfica deixa cair negócio com Cavani

SAD do Benfica deixa cair negócio com Cavani

Derradeiro pedido do atleta - trinta milhões de euros líquidos por três épocas - e limitação do prazo de pagamento da operação de seis para três anos motiva posição dos encarnados.

Fora de cena. A SAD encarnada abandonou as negociações para contratar Edinson Cavani e, a manter-se o atual cenário, o atacante não será reforço do plantel de Jorge Jesus. Segundo fonte do clube, as últimas exigências financeiras do jogador tornaram-se incomportáveis, tendo em conta o esforço que a sociedade estava disposta a realizar, inviabilizando, assim, qualquer possibilidade de sucesso da operação.

O derradeiro pedido do avançado atingia os 30 milhões de euros líquidos por três anos (que representariam, com impostos, 60 milhões de euros), montante impossível de suportar para a SAD encarnada. Além da subida dos valores, Cavani queria receber a totalidade dos ordenados em três anos.

Pelo contrário, os encarnados queriam montar um plano financeiro mais diluído no tempo - pagamento em seis anos -, além de procurarem um enquadramento fiscal mais favorável a ambas as partes. O montante total nunca se poderia aproximar dos 30 milhões de euros líquidos para o jogador e o acordo teria de ser feito com o recurso a uma fórmula mais atrativa no plano tributário, distribuindo o "bolo" entre salários, prémios e direitos de imagem. O processo teve a assessoria de vários peritos em direito fiscal, mas acabou por não evoluir favoravelmente.

A última exigência negocial do futebolista deixou as águias totalmente fora de jogo e levou Luís Filipe Vieira a marcar uma posição clara: o abandono das negociações. Tudo indica, assim, que o sonho de garantir Cavani tenha acabado no Estádio da Luz.

Com as exigências atuais, o jogador deixou de ser uma possibilidade e só mesmo um claro recuo nas pretensões salariais pode motivar um eventual regresso do clube benfiquista à mesa negocial.

Ataque a Darwin Núñez

Paralelamente ao processo do ex-jogador do PSG, a SAD prepara uma oferta por Darwin Núnez, avançado uruguaio do Almería.

O jogador, de 20 anos, é visto como uma excelente alternativa ao compatriota Cavani, mas convém recordar que o clube da segunda divisão espanhola já recusou propostas de 20 milhões de euros pelo atleta.

A amizade de Jorge Jesus com o proprietário do clube - antigo responsável pelo desporto da Arábia Saudita e decisivo na ida de Jesus para aquele território - pode facilitar a operação.

Outras Notícias