Turquia

Fenerbahçe acolhe Jesus ao som de "O Padrinho"

Fenerbahçe acolhe Jesus ao som de "O Padrinho"

Jorge Jesus foi nesta quinta-feira oficialmente confirmado como treinador do Fenerbahçe, tendo assinado por uma temporada. O clube turco colocou nas redes sociais um video da apresentação do português, em que, ao som da banda sonora do filme "O Padrinho", se mostrou muito feliz por se vincular ao emblema.

"Tenho treinado grandes clubes no mundo e agora é a vez do Fenerbahçe. Não é só um grande clube, é uma religião e uma nação, os fãs estão desejosos de títulos", afirmou. As qualidades das infraestruturas oferecidas aos atletas não foram esquecidas. "Os jogadores não se podem queixar de nada, têm condições de topo e o clube pertence ao top mundial. Agora temos de começar a vencer troféus para que as condições sejam rentabilizadas em campo. Temos de passar para a realidade, para o jogo, para o treino, com o objetivo de chegar aos triunfos", explicou, num vídeo em que surgiu a arranhar a língua turca em curtos diálogos com os responsáveis do clube.

PUB

O antigo treinador do Benfica explicou a razão de ter optado pelo emblema de Istambul. "Recebi milhares de mensagens dos adeptos e isso fez com que eu começasse a olhar com carinho para a hipótese de treinar o Fenerbahçe. Além disso o presidente fez várias viagens a Portugal e quis-me muito. Tinha vários clubes para escolher e escolhi o Fenerbahçe, em primeiro lugar, devido ao carinho dos fãs e, em segundo, por causa do presidente".
Num outro vídeo publicado nas redes sociais, Jesus assumiu o seu novo desafio. "O Fenerbahçe é paixão e eu vou fazer parte da vossa vida (dos adeptos). Quero ter o mesmo sofrimento e a mesma paixão dos fãs. Viva ao Fenerbahçe".

Por seu lado, o clube publicou uma nota de boas vindas. "Desejamos que o técnico tenha uma temporada em que escreva o seu nome na nossa gloriosa história". Jesus será apresentado em conferência de Imprensa, na sexta-feira.

Segundo a Imprensa do país, o técnico português vai auferir sete milhões de euros durante o ano de trabalho na Turquia.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG