Futebol

Fatura mostra verbas pagas pelo F. C. Porto ao Estoril

Fatura mostra verbas pagas pelo F. C. Porto ao Estoril

A transferência de pagamento, endereçada pelo F. C. Porto ao Estoril, foi efetuada em 14 de fevereiro às 16.01 horas, segundo um comprovativo do Novo Banco, uma semana antes da realização da segunda parte do duelo entre as equipas no Estádio António Coimbra da Mota.

Francisco J. Marques, diretor de comunicação do F. C. Porto, explicou que foi numa altura em que a SAD tinha liquidez, resultante da receita de bilheteira do jogo com o Liverpool.

Na fatura, emitida em 26 de outubro de 2017 e que indica o pagamento de 784 mil euros, estão diferenciados os montantes pagos por cada atleta: a transferência de Carlos Eduardo em 2015 para o Al-Hilal rendeu 380 mil euros aos canarinhos, que tinham 20% do seu passe; a venda de Tozé, de quem tinham 50%, ao V. Guimarães teve um proveito de 190 mil euros; de Licá receberam 214 mil euros (95 mil respeitante ao empréstimo ao V. Guimarães e 119 mil pela cedência ao Nottingham Forest, pois o Estoril detinha 40% do passe).