P. Ferreira - Famalicão

Faltaram mais golos a um triunfo sem contestação

Faltaram mais golos a um triunfo sem contestação

Pacenses foram perdulários, mas juntam boa exibição ao resultado e entram a ganhar na Liga

Foi só à quinta oportunidade flagrante que o Paços de Ferreira chegou ao golo, mas ainda foi bem a tempo de garantir uma vitória à prova de bala sobre o Famalicão e uma estreia prometedora no campeonato, pelo resultado, mas também pela exibição. Os pacenses foram superiores do primeiro ao último apito e não só podiam como deviam dar outra dimensão numérica ao triunfo.

Tal como frente ao Larne (com quem volta a medir forças na quinta-feira, para a Liga Conferência), a equipa de Jorge Simão dominou em toda a linha, só que demorou a acertar na baliza de Luiz Júnior. Denilson e, principalmente, Lucas Silva, que se redimiria mais tarde, perdoaram mesmo no coração da área famalicense. Do adversário, quase nem sinal de vida do meio-campo para frente.

O problema é que também a defender o Famalicão deixou muito a desejar e pagou por isso. Os golos apareceram na segunda parte, com Lucas Silva e Nuno Santos a darem lógica ao resultado, antes de Maracás ainda desperdiçar uma grande penalidade. Foram dois, podiam ter sido quatro ou cinco.

Veja o resumo do jogo:

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG